quinta-feira, 21 de agosto de 2008

A subida do Niemeyer

Como disse num post anterior, estou de volta a minha terra, Niterói.

Como é bom voltar a nossa cidade natal!

Ontem consegui dar uma corrida na praia, foi o re-encontro. O título do post não faz referência a subida da Av. Niemeyer que vamos encarar novamente na meia maratona de outubro, mas sim a subida do Museu de Arte Contemporânea, obra monumental do Oscar Niemeyer e cartão postal de Niterói.

Ser abduzido por esse disco voador é sensacional, nem se percebe a subida que testa a resistência de muitos corredores e caminhantes para se chegar nele.



Apesar de ontem ter corrido a noite, tive a prova que passar a correr pela manhã bem cedo será muito mais proveitoso...a noite a orla fica lotada, tem que ficar desviando, correndo em zigue zague, além da poluição e stress de trânsito...nesse ponto, Rio das Ostras era show. Já pela manhã, observo muito menos gente, carros, além de ganhar um gás e muita disposição para encarar o batente.

Termino com o Gonçalves Dias, e sua conhecida Canção do Exílio.


Minha terra tem palmeiras,
Onde canta o Sabiá;
As aves, que aqui gorjeiam,
Não gorjeiam como lá.

Nosso céu tem mais estrelas,
Nossas várzeas têm mais flores,
Nossos bosques têm mais vida,
Nossa vida mais amores.

Em cismar, sozinho, à noite,
Mais prazer eu encontro lá;
Minha terra tem palmeiras,
Onde canta o Sabiá.

Minha terra tem primores,
Que tais não encontro eu cá;
Em cismar –sozinho, à noite–
Mais prazer eu encontro lá;
Minha terra tem palmeiras,
Onde canta o Sabiá.

Não permita Deus que eu morra,
Sem que eu volte para lá;
Sem que disfrute os primores
Que não encontro por cá;
Sem qu'inda aviste as palmeiras,
Onde canta o Sabiá.

Boas Corridas!!

14 comentários:

  1. Realmente esse lugar que vc treinou é esplendido show, parabens pelo treino, agora quanto a outra subida do Niemayer em São Conrado também é mole eu quero ver subir algumas subidas do percurso teresopolis a friburgo essa sim é braba.
    Um abraço,
    JORGE CERQUEIRA

    ResponderExcluir
  2. Nada como estar em casa, meu amigo Ricardo. Seja bem-vindo de volta ao lar e faça ótimas corridas nesse retorno.

    Parabéns pelo toque poético para encerrar o post, ótima lembrança.

    Um abraço,

    Fábio

    ResponderExcluir
  3. Meu amigo Jorge. Teresepólis-Friburgo é apenas para os Iniciados!! Não é para Pangarés como eu rsrsrs.

    ResponderExcluir
  4. Valeu Fabio!! Estamos esperando vocês por aqui. Gonçalves rocks!

    ResponderExcluir
  5. Ricardo,
    Parabéns pela subida "cultural" que você percorreu !
    Espetaculares essas fotos do Museu à noite.
    Congratulações.
    Obrigado,
    Guilherme.

    ResponderExcluir
  6. Valeu Guilherme! Se as fotos estão boas, imagina ao vivo. Abs.

    ResponderExcluir
  7. Rapaz, a última vez que eu li este texto foi no 2o grau, estudando pro vestibular!! rs

    Abraços!! Parabéns pelo poeta interna!!

    ResponderExcluir
  8. Boa Hoffmann,

    bem vindo de volta à terra natal.

    Niterói deve ser ótimo para correr, ainda mais com a linda vista para o Rio!! rsrsrss...

    PS: Que tempo foi aquele na Adidas hein? 55!? Quando passou por mim lá pelo 7 e meio, ao invés de me sentir o Massa, me senti o Rubinho!!!

    Vai correr a Vivo?

    Abraço e bons treinos!

    ResponderExcluir
  9. Ricardo:
    Nada como voltar pra casa, não? Parabéns pelo tempo na Adidas! Quer dizer que deixou até o Massa pra trás! Rsrs. Não se esqueça da foto da "mordida geral", Hein? Estou aguardando! Rsrs. Esta foi demais! Bjs.

    ResponderExcluir
  10. Fala Leo, como disse num post ai em baixo, as vezes tiro coisas do fundo do baú rsrsrs

    Massa, essa piadinha é muito velha rsrsrs. Não vai demorar você vai estar nesse pace tb...fazendo os intervalados que tem feito e correndo na areia, vai ser batata...Vou correr a vivo não, treino longo é prioridade para as duas 16 milhas que estão a caminho.

    Olá Mayumi, voltar pra casa é muito bom, já dizia Lulu Santos rsrs. Essa foto vai rolar nas 10 milhas da Mizuno, dia 7 de setembro, aguarde!

    ResponderExcluir
  11. Não sabia que parte desse poema fazia parte da Canção do Expedicionário

    ResponderExcluir
  12. Também desconhecia esse fato X. Valeu!

    ResponderExcluir
  13. Oi Ricardo,

    Acho que é a primeira vez que posto aqui, mas, correr ao lado do mar como vocês podem fazer é algo muito legal. Tanto é, que estarei aí na Mizuno!

    O Blog do Harry está de “casa nova”, com um novo sistema e lay-out. Se puder faça uma visita e deixe sua crítica ou sugestão!

    Boas corridas!
    Harry

    ResponderExcluir
  14. Oi Harry! Seu blog é muito legal, vou colocá-lo nos meus favoritos. Nos vemos na Mizuno então! Passa lá na tenda Acoruja que vai conhecer grande parte dos corredores/blogueiros do RJ.

    ResponderExcluir

Obrigado por deixar aqui seu comentário. Boas corridas!!